10 junho 2015

Resenha: Diário de uma Paixão


Com certeza você já ouviu falar desse Livro (ou filme). Muita gente já leu, e muito mais gente já assistiu, eu mesma já li duas vezes e assisti umas trezentas! Quer saber mais desse livro incrível? Continue lendo!

A história




Um velho homem caminha todos os dias até o quarto de sua amada para lhe contar a linda história do Diário. Tudo começa no Festival de Primavera, quando Noah conhece Allie. É um livro curto sem muita enrolação. Não demora muito pros dois se apaixonarem, para acontecer o primeiro beijo, para em uma noite ambos perderem a virgindade, e para no fim do verão, a família rica de Allie, que não apoiava nem um pouco o relacionamento com o Noah, voltarem para a cidade.
Noah, devastado, escreve várias cartas para Allie. Ele escreve todos os dias durante um mês, e todos os meses durante um ano, até que cansado de não ter nenhuma resposta, ele vai atrás da garota. O pai dela saiu da empresa, e não deixou nenhuma forma de contato. A família mudou de casa e não disse para onde foi. Noah então decide que nunca mais iria atrás dela de novo. Do seu primeiro amor, que mudou sua vida para sempre.
14 anos se passaram, Noah nunca mais se envolveu emocionalmente com ninguém, mesmo que tenha conhecido várias outras mulheres. Por outro lado, Allie estava há algumas semanas de seu casamento com o advogado Lon, um dos homens mais prestigiados de sua cidade. Ela se surpreendeu ao ler o jornal que dizia que Noah Calhoun havia reformado uma casa muito antiga de sua cidadezinha. Ela chegou a conclusão de que o reencontro era algo inevitável, que não poderia casar sem antes ver Noah pela última vez, e foi até ele.
Noah, que nunca se apaixonou de novo depois de seu primeiro amor, ficou extremamente surpreso ao ver Allie novamente, e após passarem duas noites incríveis de muito romance, ambos sabiam que deveriam ficar juntos.


A história vai muito além disso, de um mero reencontro. Na verdade, é aí o ápice da história. Quando eles revivem todo esse amor incontrolável, Noah precisa fazer de tudo para "reconquistar" sua amada, e Allie tem que decidir o que é certo a se fazer.

Voltando ao início, sobre o homem velho, é evidente quem ele seja, e a história que envolve ele é muuuito interessante, é uma vida inteira cheia de desencontros e reencontros, de amor e tragédia.
E o fim... calma! Não vou dar spoiler. Só vou dizer que é revigorante. É um fim que trás um sentimento inexplicável e muita vontade de amar. Na verdade, o livro inteiro nos desperta esse desejo. Eu amo esse livro, amo a forma como ele me faz querer amar. Ame você também!
Sobre o filme, vale a pena assistir. A cronologia dele e o foco é um pouco diferente do livro, mas é bem fiel e trás um pouco dessa sensação de amar que nos dá, mas não tão intensa quanto ao livro. Eu recomendo muito ele, pra quem gosta de romance, porque o Diário de uma Paixão não é nada além do que o próprio nome já diz!

Termino aqui, deixando um trecho do livro que eu adoro:

"Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome, em breve, será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou" - Noah Calhoun

E aí, gostaram da resenha? Já leram o livro? Já viram o filme?

Beijinhos da Lari


Comente com o Facebook:

3 comentários:

  1. Eu adorei o livro é sem dúvida um dos meus favoritos e o filme também é lindo. <3 Parabéns o blog é lindo.

    https://definitionph.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muuuuito lindo, amo de paixão! Muito obrigada <3

      Excluir
  2. Eu já assisti ao filme milhares de vezes e, por conta disso, nunca me senti muito interessada pelo livro, já que é mais demorado e eu já sei de toda a história. Mas gostei muito da resenha <3

    Abraço,
    milenaschabat.blogspot.com

    ResponderExcluir

Butlariz • contatobutlariz@gmail.com Feito com ♥ por Lariz Santana / Moonly Design